Território Inimigo
sítio de Goulart Gomes, o criador do Poetrix
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
PrêmiosPrêmios
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos


 OS 100 MELHORES LIVROS BRASILEIROS
   (Goulart Gomes)


Atendendo a pedidos dos leitores publico, agora, uma lista dos 100 melhores livros da Literatura Brasileira. Esta lista foi elaborada a partir de diversas referências já existentes (ver bibliografia ao final do texto) e, como todas as listas, pretende ser apenas mais um referencial para aqueles que desejam aprofundar-se no estudo da nossa Literatura, aumentando seus conhecimentos sobre o assunto. Os livros estão classificados por ordem do número de indicações nas obras de referência citadas.

Clique AQUI para adquirir livros de Goulart Gomes.

VOCÊ PODE CONTRIBUIR PARA A MANUTENÇÃO DESTE SITE ADQUIRINDO PRODUTOS NA LOJA SUBMARINO, CLICANDO NO BANNER EXISTENTE NO TOPO DESTA PÁGINA.


  1. Grande sertão: veredas, Guimarães Rosa (na foto, acima)
  2. Dom Casmurro, Machado de Assis
  3. Memórias póstumas de Brás Cubas, Machado de Assis
  4. O cortiço, Aluísio Azevedo
  5. Os sertões, Euclides da Cunha
  6. Macunaíma , Mário de Andrade
  7. A paixão segundo G.H., Clarice Lispector
  8. São Bernardo, Graciliano Ramos
  9. Vidas secas, Graciliano Ramos
  10. Angústia, Graciliano Ramos
  11. Sagarana, Guimarães Rosa
  12. Quincas Borba, Machado de Assis
  13. Memórias sgto de milícias, Manuel A. de Almeida
  14. Eu, Augusto dos Anjos
  15. A hora da estrela, Clarice Lispector
  16. Laços de família, Clarice Lispector
  17. Os ratos, Dyonélio Machado
  18. O tempo e o vento, Érico Veríssimo
  19. Gabriela,  cravo e canela, Jorge Amado
  20. Triste fim de Policarpo Quaresma, Lima Barreto
  21. A mão e a luva, Machado de Assis
  22. Iaiá Garcia, Machado de Assis
  23. Memorial de Aires, Machado de Assis
  24. Papéis avulsos, Machado de Assis
  25. A Estrela sobe, Marques Rebelo
  26. O sítio do pica-pau amarelo, Monteiro Lobato
  27. O quinze, Rachel de Queiroz
  28. O ateneu, Raul Pompéia
  29. Brás,  bexiga e barra funda, Antônio de Alcântara Machado
  30. Sermões, Antonio Vieira
  31. Ópera dos mortos, Autran Dourado
  32. Claro enigma, Carlos Drummond de Andrade
  33. Espumas flutuantes, Castro Alves
  34. Romanceiro da inconfidência, Cecília Meireles
  35. Broquéis, Cruz e Sousa
  36. Casa grande e senzala, Gilberto Freyre
  37. Memórias do cárcere, Graciliano Ramos
  38. Obra poética, Gregório de Matos
  39. Corpo de baile, Guimarães Rosa
  40. Morte e vida severina, João Cabral de Melo Neto
  41. Dona Flor e seus dois maridos, Jorge Amado
  42. Jubiabá, Jorge Amado
  43. Tenda dos milagres, Jorge Amado
  44. Invenção de Orfeu, Jorge de Lima
  45. Iracema, José de Alencar
  46. Lucíola, José de Alencar
  47. O guarani, José de Alencar
  48. Os cavalinhos de platiplanto, José J. Veiga
  49. Fogo morto, José Lins do Rego
  50. Libertinagem, Manuel Bandeira
  51. A vida como ela é, Nelson Rodrigues
  52. Poesias, Olavo Bilac
  53. Lavoura arcaica, Raduan Nassar
  54. Raízes do Brasil, Sérgio Buarque de Holanda
  55. Obra poética, Vinicius de Moraes
  56. Noite na taverna, Álvares de Azevedo
  57. Quarup, Antonio Callado
  58. Romance da Pedra do Reino , Ariano Suassuna
  59. O uraguai, Basílio da Gama
  60. A escrava Isaura, Bernardo Guimarães
  61. A rosa do povo, Carlos Drummond de Andrade
  62. Uma aprendizagem, Clarice Lispector
  63. O vampiro de Curitiba, Dalton Trevisan
  64. O pagador de promessas, Dias Gomes
  65. O encontro marcado, Fernando Sabino
  66. Poema sujo, Ferreira Gullar
  67. Primeiros Cantos, Gonçalves Dias
  68. Canaã, Graça Aranha
  69. Primeiras estórias, Guimarães Rosa
  70. Zero, Ignácio de Loyola Brandão
  71. Malagueta,  Perus e Bacanaço, João Antônio
  72. Contos gauchescos, João Simões Lopes Neto
  73. Viva o povo brasileiro, João Ubaldo Ribeiro
  74. A moreninha, Joaquim M. Macedo
  75. Minha formação, Joaquim Nabuco
  76. Mar morto, Jorge Amado
  77. Farda,  fardão,  camisola de dormir, Jorge Amado
  78. Terras do sem fim, Jorge Amado
  79. O coronel e o lobisomem, José Cândido Carvalho
  80. O demônio familiar, José de Alencar
  81. Senhora, José de Alencar
  82. Pedra Bonita, José Lins do Rego
  83. Crônica da casa assassinada, Lúcio Cardoso
  84. As meninas, Lygia Fagundes Telles
  85. Estrela da manhã, Manuel Bandeira
  86. Ritmo dissoluto, Manuel Bandeira
  87. Paulicéia desvairada, Mário de Andrade
  88. Fundador, Nélida Piñon
  89. Vestido de noiva, Nelson Rodrigues
  90. Memórias sentimentais de João Miramar, Oswald de Andrade
  91. Veronika decide morrer, Paulo Coelho
  92. Baú de ossos, Pedro Nava
  93. A coleira do cão, Rubem Fonseca
  94. Cartas chilenas, Tomás Antônio Gonzaga
  95. Marília de Dirceu, Tomás Antônio Gonzaga
  96. Inocência, Visconde de Taunay
  97. Cascalho, Herberto Sales
  98. O mez da grippe, Valêncio Xavier
  99. Gramática expositiva do chão, Manoel de Barros
  100. O feijão e o sonho, Orígenes Lessa

 
Os que quase entram na lista dos 100:
 
  1. A alma encantadora das ruas, João do Rio
  2. A menina morta, Cornélio Pena
  3. A morte da porta-estandarte, Aníbal Machado
  4. A normalista, Adolfo Caminha
  5. A obscena senhora D, Hilda Hilst
  6. A república dos sonhos, Nélida Piñon
  7. A senhorita Simpson, Sérgio Sant’Anna
  8. As metamorfoses, Murilo Mendes
  9. Auto da Compadecida, Ariano Suassuna
  10. Avalovara, Osman Lins
  11. Bagagem, Adélia Prado
  12. Budapeste, Chico Buarque
  13. Catatau, Paulo Leminski
  14. Corpo vivo, Adonias Filho
  15. Deus lhe pague, Joracy Camargo
  16. Dois irmãos, Milton Hatoum
  17. Essa terra, Antonio Torres
  18. Febeapá, Stanislaw Ponte Preta
  19. Ficções, Hilda Hilst
  20. Galvez,  imperador do acre, Márcio Souza
  21. Harmada, João Gilberto Noll
  22. Histórias mal contadas, Silviano Santiago
  23. I-juca pirama, Gonçalves Dias
  24. Juca mulato, Menotti del Picchia
  25. Lira dos vinte anos, Álvares de Azevedo
  26. Mar absoluto, Cecília Meireles
  27. Memorial de Maria Moura, Rachel de Queiroz
  28. Menino de engenho, José Lins do Rego
  29. Morangos mofados, Caio Fernando Abreu
  30. O amanuense Belmiro, Cyro dos Anjos
  31. O cão sem plumas, João Cabral de Melo Neto
  32. O centauro no jardim, Moacyr Scliar
  33. O ex-mágico, Murilo Rubião
  34. O Guesa, Sousândrade
  35. O mulo, Darcy Ribeiro
  36. O reduto, Wilson Lins
  37. O rei da vela, Oswald de Andrade
  38. O tronco, Bernardo Élis
  39. Obra poética, Cláudio M. Costa
  40. Pau Brasil, Oswald de Andrade
  41. Primaveras, Casimiro de Abreu
  42. Recordações do escr. Isaías Caminha, Lima Barreto
  43. Sargento Getúlio, João Ubaldo Ribeiro
  44. Serafim ponte grande, Oswald de Andrade
  45. Teatro, Qorpo Santo
  46. Últimos sonetos, Cruz e Sousa
  47. Um copo de cólera, Raduan Nassar
  48. A senhorita Simpson, Sérgio Sant’Anna
  49. Urupês, Monteiro Lobato
  50. Vastas emoções e pens. Imperfeitos, Rubem Fonseca
  51. Viagem, Cecília Meireles
  52. Xadrez de estrelas, Haroldo de Campos 
Clique AQUI para adquirir livros de Goulart Gomes.
 
BIBLIOGRAFIA:
 
Alfredo Bosi, 2005
Revista Bravo Lit. Bras. , 2006
Revista Bravo Lit. Mundial, 2009
Clube do Livro da Noruega, 2002
Leitura Crítica, Gerana Damulakis
Folha de São Paulo, 1999
100 autores que você precisa ler, Léa Masina, 2008
100 livros recomendados, Goulart Gomes
Gênio, Harold Bloom
Por que ler os clássicos, Ítalo Calvino
Panorama da Literatura - Cadernos EntreLivros
1001 livros para ler antes de morrer, 2007
As obras-primas que poucos leram, Heloísa Seixas (org.)
501 must-read books
101 livros que mudaram a humanidade, 2005, Superinteressante
Os imortais da Lit. Universal, Ed. Abril, 1972
501 Great Writers
THE GUARDIAN, 2002

----------------------------------------------------------

LEIA TAMBÉM OS TEXTOS:

100 livros recomendados 

50 peças de teatro fundamentais
Sobre 1001 LIVROS PARA LER ANTES DE MORRER
200 FILMES INESQUECÍVEIS
GRANDES ESCRITORES DA LITERATURA UNIVERSAL
INCONTÁVEIS CONTOS ESSENCIAIS
OS 100 MELHORES DISCOS (ÁLBUNS) BRASILEIROS
100 MELHORES MÚSICOS E 100 MELHORES COMPOSIÇÕES
100 romances inesquecíveis, por Gerana Damulakis
Sobre COMO FALAR DOS LIVROS QUE NÃO LEMOS?
50 LIVROS ESPÍRITAS RECOMENDADOS




Para um primeiro contato com a Literatura Brasileira, recomendo as coletâneas:
Os cem melhores contos brasileiros, Flávio Moreira da Costa (org.), 
As cem melhores crônicas brasileiras, Joaquim Ferreira dos Santos (org.) e 
100 anos de poesia, de Claufe Rodrigues e Alexandra Maia (org.). 


Para uma visão geral do romance universal: 
1001 livros para ler antes de morrer, Peter Boxall (org.).

   
Clique AQUI para adquirir livros de Goulart Gomes.

VOCÊ PODE CONTRIBUIR PARA A MANUTENÇÃO DESTE SITE ADQUIRINDO PRODUTOS NA LOJA SUBMARINO, CLICANDO NO BANNER EXISTENTE NO TOPO DESTA PÁGINA.
Goulart Gomes
Enviado por Goulart Gomes em 26/01/2010
Alterado em 10/03/2012
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Autor: Goulart Gomes). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.

Site do Escritor criado por Recanto das Letras