× Capa Meu Diário Textos Áudios E-books Perfil Livros à Venda Prêmios Livro de Visitas Contato
Território Inimigo
Literatura, História, Museologia e Numismática. Sítio de Goulart Gomes, o criador do Poetrix.
Meu Diário
04/03/2011 06h25
PALAVRAS QUE LIBERTAM 50: REVELANDO-SE A SI MESMO

Revelando-se a si mesmo

       Que a luz do sol radiosa brilhe sobre os corações e as mentes de todos que se encontram na Terra. Que a luz Divina se manifeste através dos raios de sol, aquecendo os sentimentos na direção do Amor, principalmente neste momento em que o Planeta se convulsiona, aparentemente entregue apenas à violência e ao mal. Como um organismo a se contorcer para extirpar um câncer, a Terra se revolve, seus habitantes entram em crise para se reencontrarem com suas verdadeiras essências divinas.

      Perceber o mal em si mesmo é doloroso, todos tentam preservar a autoimagem e isso é natural. No entanto, a alma deve estar aberta para rever os pensamentos mais recônditos, como se fizesse uma radiografia  apurada dos pensamentos e dos sentimentos para ver de fato onde está o tumor a ser arrancado.

     Tenha coragem de enxergar e de extirpar tudo o que escurece a tua alma. Permita-te vibrar na sintonia da Paz, do Bem e da Verdade. E isso só é possível quando puderes tratar o teu irmão como tratas a ti mesmo. Não há outra fórmula. Quando puderes ser bom, justo e generoso com o outro como gostarias que fossem contigo, teu ser estará vinculado definitivamente às forças positivas do Universo e nada te deterá ou cerceará teus passos na direção da felicidade.

     Olha ao lado para ver quem passa por perto e estende a tua mão como gostarias de ser amparado nos momentos difíceis. Veja o outro como a ti mesmo. Enxerga-te no próximo. Esta é a verdade que norteia os passos dos que trilham a estrada do Bem e da Caridade, e a Caridade não discrimina, olha a todos por igual sem privilégios.

    Deixa que a generosidade te conduza, que assim serás condutor da Verdade!

Luz e paz!

 

Maria Rosa

(mensagem psicografada pela médium Cristina Barude, Salvador, 03.03.11)

Publicado por Goulart Gomes
em 04/03/2011 às 06h25