× Capa Meu Diário Textos Áudios E-books Perfil Livros à Venda Prêmios Livro de Visitas Contato
Território Inimigo
Literatura, História, Museologia e Numismática. Sítio de Goulart Gomes, o criador do Poetrix.
Meu Diário
22/06/2011 18h47
PALAVRAS QUE LIBERTAM 54: Para persistir na sintonia do Bem

 


 

Para persistir na sintonia do Bem

Para estar na sintonia do Bem é não é preciso um grande esforço. Basta um pensamento, uma oração, uma palavra de luz, um sentimento de amor, que a conexão se dará imediatamente. Mas porque não utilizamos estes recursos com mais frequência? Por que não  persistimos nesta sintonia? Na realidade, existem duas forças opostas na espiritualidade humana, que ora pende para um lado, ora para outro. E o que faz o homem dominar o pêndulo da balança é antes de mais nada a consciência de seus passos, a visão clara de suas tendências. E ao tomar consciência, ele estará livre para escolher o seu caminho, para sintonizar com o Bem ou com o Mal. Tudo é uma questão de escolha.

Ao tomarmos consciência de nossa realidade, de nossas fraquezas e defeitos, podemos optar em dominá-los, adestrá-los, transformá-los em pura luz. Como dito antes, basta um pensamento, uma oração, uma palavra para mudar a frequência e mergulhar nas ondas de paz e felicidade daqueles que se despem das armaduras e deixam a luz do sol penetrar em cada célula do seu corpo físico, espiritual e emocional.

Aceita os novos ventos que a vida  te traz. Ao invés de resistir a eles para persistir nas fórmulas antigas, deixa que o novo te visite. Conheça novas possibilidades e te entrega ao trabalho diário de lapidação da pedra bruta. Não permita que o cinzel caia das tuas mãos. Seja o comandante do processo de dominação de tuas más tendências e obscuridades!

Vieste para a luz e nela deverás persistir, ainda que haja momentos de penumbra, lembra-te sempre que a luz ali estará à espreita, aguardando o momento de invadir a tua vida com toda a sua plenitude.

Seja feliz!

 

Maria Rosa

(mensagem psicografada pela médium Cristina Barude, em Salvador, 05.05.11)

 

Publicado por Goulart Gomes
em 22/06/2011 às 18h47