× Capa Meu Diário Textos Áudios E-books Perfil Livros à Venda Prêmios Livro de Visitas Contato
Território Inimigo
Literatura, História, Museologia e Numismática. Sítio de Goulart Gomes, o criador do Poetrix.
Meu Diário
22/08/2010 19h26
PALAVRAS QUE LIBERTAM XXX: Do cume da montanha
 Do cume da montanha

Quando o espinho atravessar o teu coração e a dor invadir o teu peito, eleva o pensamento ao cume da montanha. Transporta-te para este ponto mais alto e olha ao redor. Deste local privilegiado, de onde podes observar tudo à tua volta, és capaz de ver cada aspecto visualizado como miniatura. E tu estás em posição de poder, de comando. Assim deves te sentir diante da dor, das decepções, dos problemas, dos embates que a vida traz inevitavelmente.

Claro que ninguém quer sofrer. Mas se a dor bate à porta, eleva-te ao ponto mais alto da montanha de tua vida e observa ao redor, simplesmente observa e passa a perceber que na verdade os problemas não são tão grandes quanto imaginas. Tudo depende da posição em que te colocas diante deles.  

Tudo pode ser superado. O poder está dentro de ti. Mantenha esta potência no teu ser. Jamais deves colocá-la no outro. O teu algoz não poderá levar a tua paz, a tua alegria, o teu entusiasmo, os teus ideais de vida, os teus sonhos. A não ser que permitas.

Para estar imunizado contra as decepções, é preciso esperar menos dos outros. Ama intensamente teus companheiros de caminhada, mas lembra que cada um está num estágio da evolução espiritual. Não podes exigir que os valores do teu irmão sejam iguais aos teus.
Saiba perdoar e perdoar-se. O erro cometido pelo teu irmão pode ter sido o mesmo que cometeste no passado e nem te lembras.

Todos somos um. E nas Leis de Causa e Efeito todos nos encontraremos mais cedo ou mais tarde para os devidos ajustes, e que sejam em paz e no amor para o equilíbrio de todas as relações.
 
Luz e paz!

Maria Rosa
(mensagem psicografada pela médium Cristina Barude, Salvador, 19.08.10)

Publicado por Goulart Gomes
em 22/08/2010 às 19h26
 
22/08/2010 19h24
PALAVRAS QUE LIBERTAM XXIX: A FÉ
 A fé

Confia no amanhã que ele chegará célere.Confia num amanhã de luz, harmonia e de concretização dos teus mais caros sonhos. Acredita que ele virá. Saber mentalmente que a fé é o ponto de partida para todas as realizações, é o veículo que nos transporta pelas paragens dos sonhos, dos anseios, dos nossos projetos.

Mas saber apenas não basta, é preciso sentir dentro do coração a fé palpitando,aquecendo cada poro, vibrando em cada célula do corpo físico e espiritual. A partir do momento em que a fé é realidade em cada campo do nosso ser, inclusive no emocional, estamos a um passo da concretização do que queremos. Deixa que a fé invada todo o teu ser, como o vento que refresca quando o calor é escaldante. Como a chuva que aduba a terra depois da seca. Como as flores da primavera que enfeitam os canteiros do teu existir. Permita que a fé se fortaleça e aja firmemente em tua vida.

Acredita no invisível da proteção dos teus mentores espirituais, que não podes ver com os olhos físicos, mas que estão  sempre presentes. Nunca estás só. Teus pensamentos e sentimentos podem ser lidos a todo momento. Até aqueles aos quais não te dás conta.

Deixa, assim, que a fé e a confiança sejam os eixos da tua caminhada, que nada te faltará. Tudo será abundância.
 
Fé e confiança!
 
Maria Rosa
(mensagem psicografada pela médium Cristina Barude, Salvador, 12.08.10)

Publicado por Goulart Gomes
em 22/08/2010 às 19h24
 
19/07/2010 07h44
PALAVRAS QUE LIBERTAM XXVIII: ACEITA
Aceita


        Tudo aquilo que fizeres com garra e determinação dará certo. Quando colocas toda a tua alma num objetivo, ele se concretizará. Pode ser até que o resultado não seja exatamente aquele que almejavas, mas podes ter certeza de que será o melhor para ti. Embala teus sonhos, mentaliza tuas metas, envolve teus mais caros projetos numa nuvem azul de um brilho intenso. Acredita, tenha fé que o melhor virá.
        E quando as respostas chegarem, aceita uma a uma da forma que surgirem. Confia na Providência Divina porque ninguém sabe mais o que precisas do que o teu Pai Maior. Nem mesmo tu sabes inteiramente. Podes pressentir,  intuir, desejar, mas a grande verdade, a verdade integral ainda não está ao teu alcance.
       Aceita tua limitação momentânea de habitante da Terra, pois trata-se apenas de um estágio. Quando voltares à tua verdadeira pátria, que são as paragens espirituais, tudo se descortinará à tua frente e poderás conhecer o todo, o passado, entender melhor o presente e prever o futuro porque o tempo só existe na Terra. Nos planos espirituais sentirás a eternidade, a alegria de existir perenemente.
      Enquanto este momento não chega,cumpra com alegria e determinação teu aprendizado na Terra. Ama teus dias, as dificuldades, os encontros e desencontros, as chegadas e partidas, o bom e o mau momento. Tudo te levará à libertação da tua alma, aquela que tanto desejas.
     Esteja em paz, buscando sempre o regaço amoroso do Pai. Ele está ao teu lado.
      Luz!
 
     Maria Rosa
(mensagem psicografada pela médium Cristina Barude, Salvador, 15.07.10)
Publicado por Goulart Gomes
em 19/07/2010 às 07h44
 
06/07/2010 07h59
Lançamento de Antologias na Bienal SP
Antologias Pórtico XV e Poetrix 4 serão lançadas dia 15/08, a partir das 19h30min, na Bienal de São Paulo.

Publicado por Goulart Gomes
em 06/07/2010 às 07h59
 
04/07/2010 09h57
PALAVRAS QUE LIBERTAM XXVII: Estágio na Terra
Estágio na Terra
 
 
      Uma estrela brilha no céu com mais intensidade que as outras. A luz é de uma beleza intensa, enleva a alma e encanta. Ao olhar o firmamento estrelado, sentes saudade de um lugar que te acolheu no passado, uma morada longínqua da qual não te lembras, como se fosse a casa paterna que te amparou ao dares os primeiros passos.
     Esta melancolia que às vezes sentes e aparentemente não tem explicação tem origem nesta saudade. Vieste de outras paragens e agora tua alma encontra-se em estágio na Terra, um ambiente tumultuado, é fato, mas é a tua casa agora e isto precisa ser internalizado para que a paz volte a abrigar o teu coração, na aceitação do momento de aprendizado a que estás submetido. Na realidade, escolheste esta experiência e esperaste um longo tempo para aqui chegar ou retornar.
      Há muitas almas necessitadas desta passagem terrena e nem todas puderam ainda aqui aportar. Portanto, por mais difícil que te pareça teu estágio, procura louvá-lo, agradecer pela oportunidade e valorizar cada minuto vivido na Terra. Encara cada instante como precioso e único, capaz de te levar às grandes realizações do espírito e a efetivar as obras que precisas elevar para o teu bem e para o bem de todos.
    Nada de isolamento. A vida pede convivência, doar e receber, aprender com o outro dia a dia as lições de amor, perdão e caridade. Quanto mais adiares estes compromissos mais tempo aqui ficarás, atrasando o teu retorno para a tua verdadeira pátria: as paragens espirituais.
 
 
Luz e paz!
 
 Maria Rosa
 
Publicado por Goulart Gomes
em 04/07/2010 às 09h57
Página 35 de 79